"O desporto nacional precisa do Sporting ao mais alto nível para que os valores que são defendidos não se percam"



sexta-feira, abril 25

Derlei e ...Sá Pinto

Esta dualidade de critérios entra directamente para a lista de tópicos do post anterior. Tal como a do Sá Pinto.
Mas há mais. Muitas mais.

Gozam, gozam, gozam e... "não os vejo a fazer nada".

3 comentários:

PPA disse...

Sporting, 2 – Marítimo, 1

Em “dia da mulher”, havia muitas e boas nas bancadas de Alvalade, ainda para mais com a elevada temperatura abundavam os decotes ousados revelando verdadeiros prodígios da natureza… e não sei se foi esse o motivo para o consentimento do 0-1 logo no 1º minuto, de uma forma tão absurda, que não consigo descrever, só mesmo vendo:
http://www.indiscutivel.com/noticia?id=26470
Depois o jogo foi de sentido único, acabando naturalmente o Sporting por virar o jogo a seu favor, se bem que a igualdade aos 19’ é alcançada num penalty (finalmente convertemos um penalty) forçado e bem ganho por Romagnoli:
http://www.indiscutivel.com/noticia?id=26472
Depois a vitória surge num frango do GR do Marítimo, após um ressalto feliz em Romagnoli:
http://www.indiscutivel.com/noticia?id=26480
Vitória justa da única equipa que jogou para tal. Se é verdade que o Sporting fez um jogo fraco, também é verdade que o Marítimo fez um jogo péssimo.
No final do jogo, ninguém (jogadores, treinadores) do Marítimo se referiu ao penalty forçado, vendo-se inclusivamente o capitão a abraçar e felicitar o árbitro. Pergunto eu se não será por minutos antes do penalty assinalado, e sem ir buscar mais lances, ter ficado um escandaloso penalty sobre Tonel por marcar?
Vem agora ai uma difícil deslocação ao aflito Paços de Ferreira, que descerá de divisão caso perca connosco, tal como o Leiria na jornada passada. E esta situação de defrontar uma equipa na sua última oportunidade não tem sorrido ao Sporting.
Resta apelar aos poucos neurónios da cabecinha do Paulo Bento, para ver se consegue que esta situação de defrontar uma equipa desesperada jogue a nosso favor.
Para finalizar, de referir que Paulo Bento não respondeu mais uma vez a questões sobre o GR Stojkovic. A sua teimosia ganha contornos ridículos! Se efectivamente Stojkovic é uma carta fora do baralho, pelo menos não queime mais o miúdo Rui Patrício e ponha o Tiago na baliza; pois se nunca foi um GR de grande nomeada, pelo menos será mais experiente e regular.
Desde já posso afirmar, que apesar de muitos factores ao longo da época, basta esta questão da baliza para justificar uma série de pontos “dados” pelo Sporting, pelo que só este “pormenor” já explica porque o Sporting ainda não garantiu folgadamente o 2º lugar.

http://bola-na-trave.blogspot.com/

PPA disse...

Como se destrói um jogador e uma equipa!

Os mesmos que o trouxeram para o Sporting, onde fez parte de uma super equipa que limpou tudo, quiseram depois levá-lo para outra paragens como bandeira eleitoral, capaz de transferir para esses lados o domínio do futebol Português, aproveitando uma curta fase de 3 anos em que o POLVO esteve mais adormecido.
Nessa altura, com um Jardel em forma era meio caminho andado para se ser campeão.
Na impossibilidade de concretizar a porca “transferência” recorreu-se à política da terra queimada, metendo o ingénuo Cearense no mundo do jogo, droga e prostituição.
Destruí-se um homem e desfez-se uma grande equipa, que tinha todas as condições para se assumir no comando hegemónico do futebol Nacional pelo menos por uns anos.
Jardel deu uma triste entrevista, onde só pode meter pena:
Quero acreditar que se recupere para a vida como um cidadão comum, mas temo que acabe como o Vítor Baptista, a viver numa barraca e a mendigar esmolas e um prato de sopa.
Gostava que Jardel pusesse os nomes aos bois, nesta história das más companhias que o arrastaram e enterram no sub-mundo, apesar muitos de nós sabermos perfeitamente quem são!

http://bola-na-trave.blogspot.com/

PPA disse...

Passadeira vermelha para a Liga dos Campeões

O Sporting não vai poder contar com o artilheiro Liedson para o jogo em Paços de Ferreira, sendo inclusivamente muito difícil a sua recuperação para a 30ª Jornada diante do Boavista em Alvalade.
Com Liedson aleijado e Derlei castigado, o Sporting tem assim grandes carências no ataque para defrontar os Pacenses, ainda para mais porque do outro lado vai estar uma equipa reforçada com uma estrela de peso, de seu nome Bruno Paixão Lampião.

Situação preocupante, pois somos obrigados a vencer em Paços de Ferreira, sob pena do Benfica nos ultrapassar na tabela, uma vez que esses já têm os 6 pontos garantidos, por gente que dá garantias:
- Proença na Amadora;
- Paraty ou João Ferreira (“o João, pode ser o João”) na recepção ao Setúbal.

Num jogo (Sporting – Marítimo) onde se assinala um penalty forçado, mas onde de facto se agarra a camisola, mas se ROUBA outros 2 penalties, um dos quais instantes antes do assinalado, lá foram os Choramingas “à Polícia” reclamar, apenas com o intuito de lançar a confusão e tudo fazer para condicionar e manipular o jogo Paços – Sporting, onde o sistema não quer deixar o Sporting passar.
Toda esta situação só acontece porque o Sporting teve aquela derrota vergonhosa em Leiria, mas é triste mais uma vez o sistema cozinhar a classificação.
Mostrem antes o DVD do Benfica-Sporting (Pedro Henriques) e do Sporting-Benfica (Paraty); ou se quiserem do Paços-Benfica ou ainda do penalty fidelidade que o Lucílio lhes deu o ano passado em Aveiro mesmo no fim do jogo!
Mostrem também o que o Rui Costa fez no Bessa!

http://bola-na-trave.blogspot.com/

A Bomba vinda da Rússia!

Loading...

Marat Izmailov

Pois é. Nani já lá vai e 25.5 milhões serviram de troca para a transferência. No entanto, não vai ser fácil substituir um jogador como ele. Pelo menos não iria ser fácil(!) já que pelos vistos o Sporting parece ter encontrado o substituto ideal. Um pouco mais velho, 24 anos, mas ainda com margem de progressão (ao contrário do que muito boa gente diz). Chegou a ser considerado, em 2001, o melhor jogador jovem do campeonato russo, tendo depois algum azar, fracturando um dos pés. Faz todas as posições do meio campo para a frente, menos a de ponta de lança (também não era preciso já que o levezinho dá sempre conta do recado...) Acho que podemos confiar nele, até porque os russos têm sempre aquela tenacidade e abnegação que lhes é reconhecida e não se deixam ir em manias e tiques próprios de culturas mais latinas... Aqui fica um apanhado do que ele é capaz de fazer.

A Nova Pérola

Loading...

Livre de Vukceviv

Loading...

O estereótipo lampião - Lampião da Estrela

Loading...